Programa “Saber Direito” da TV Justiça

                   Muito interessante o programa “Saber Direito”, que é exibido pela TV Justiça de segunda a sexta às 23:30h com reprise às 11:00h da manhã (horário de Brasília). Nele professores experientes de cursinhos famosos (como Pedro Lenza e Luiz Flávio Gomes) dão aulas num ambiente parecido com o de uma sala de aula sobre temas de Direito Constitucional, Direito do Trabalho, Direito Penal, Tributário, Administrativo. Essa nova atração da TV Justiça se diferencia dos programas monótonos que esse canal exibe, pois  conta com recursos audiovisuais, entrevistas de rua, reportagens. No site, há inclusive o material didático de algumas aulas. Vale a pena conferir. Hoje assisti a uma aula excelente boa sobre o tema “empregados domésticos“, a qual foi proferida pela Professora Vólia Bomfim Cassar, Juíza do Trabalho no Rio de Janeiro.

Anúncios

5 Responses to Programa “Saber Direito” da TV Justiça

  1. malu disse:

    quero saber quando um ex-namorado grava um CD diizendo coisas absurdas ao meu respeito e sendo, tudu o q ele fala mentira
    e enviando o CD para amigos e colegas de trabalho sera q vc poderia me ajuda ??
    e dizer o q eu posso fazer?

    • franciscofalconi disse:

      – O compostamento de seu ex-namorado viola a Constituição e as leis. Entre os direitos básicos da pessoa, encontra-se o direito à intimidade, à vida privada e à honra. Não há dúvida que o ato de espalhar um CD contendo afirmações absurdas sobre a pessoa macula esses direitos elementares.
      – Assim, penso que você tem direito, caso consiga provar a prática desses atos de seu ex-namorado, a indenização por danos morais, cujo valor é fixado pelo juiz com base na gravidade do ato e da capacidade econômica do agressor. Da mesma forma, você pode processar criminalmente seu ex por injúria e difamação.
      – Assim, é aconselhável procurar um advogado de sua confiança e entrar com as ações cabíveis na Justiça.

  2. Malu disse:

    Gostaria de saber, fiz uma cirurgia plástica no meu olho para tirar o excesso de pele. O médico me convenceu de que estava certo de que se tirasse a gordura da barriga e aplicar nas maçãs do rosto e nas pálpebras inferiores, pois possuia uma olheira funda.
    Porém o resultado foi outro, meu olho ficou totalmente deformado, ficou muito inchado e o médico alegou que fosse passar. Passou-se um ano e o inchasso continua nas maçãs e principalmente nas pálpebras inferiores. Fiquei com o rosto deformado.
    Voltei na clínica e a clínica não se prontificou a me ajudar, alegaram que o médico sumiu e não possuem o endereço dele.
    Ás provas que tenho são: Foto antes e depois, o panfleto da clínica e a microfilmagem dos dois cheques que estão nominal ao nome desse médico.
    Gostaria muito de saber o que posso fazer a respeito disso. Pois não possuo mais recursos para uma nova cirurgia, no ano passado até entrei em depressão.
    Por favor oriente-me.

  3. Saber Direito disse:

    Assita às aulas do Programa Saber Direito no Canal Saber Direito do YouTube:

    http://www.youtube.com/SaberDireito

  4. Máira Elizabeth Ferreira Teles disse:

    Gostaria de saber se a nova lei de estágio (lei 11.788/08) deve ser observada pela Defensoria Pública, uma vez que esta possui uma lei específica(Lei Complementar Estadual nº 988, de 9 de janeiro de 2006 )dispondo sobre o estágio.Estou solicitando o pagamento de vale-transporte e o direito à férias proporcionais, mas até agora não consegui.Pois eles dizem que a lei que rege meu estágio é lei 988/06.Grata

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: